segunda-feira, 31 de maio de 2010

cetoprofeno

CETOPROFENO 100 mg

FORMA FARMACÊUTICA: - CETOPROFENO
Pó liófilo injetável

APRESENTAÇÃO - CETOPROFENO
Embalagens contendo 1, 25 e 50 frascos- ampola.

USO ADULTO

COMPOSIÇÃO: - CETOPROFENO
Cada frasco- ampola contém:Cetoprofeno (DCB 0230.01- 4) .................... 100 mg
Excipientes q.s.p.
.................... 1 frasco- ampola
(Veículo: glicina, ácido cítrico monoidratado e hidróxido de sódio).

INFORMAÇÃO AO PACIENTE - CETOPROFENO
O Cetoprofeno é um medicamento indicado para casos de dor no pré e pós- operatório e outras patologias.
Conservar o produto em temperatura ambiente, entre 15 e 30°C, protegido da luz.
O prazo de validade do produto é de 36 meses a partir da data de fabricação impressa na embalagem. Não utilize medicamento com o prazo de validade vencido.
Informe seu médico sobre ocorrência de
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_32" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">gravidez1 na vigência do tratamento ou após o seu término.
Informar ao médico se está amamentando.
Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.
Não interromper o tratamento sem o conhecimento do seu médico.
Informe seu médico sobre o aparecimento de reações desagradáveis, como irritação gástrica (dor,
2 Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc .
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_39" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">náuseas2,
3 Constipação: Retardo ou dificuldade nas defecações, suficiente para causar desconforto significativo para a pessoa. Pode significar que as fezes são duras, difíceis de serem expelidas ou infreqüentes (evacuações inferiores a três vezes por semana), ou ainda a sensação de esvaziamento retal incompleto, após as defecações.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_13" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">constipação3,
4 Vômitos: São a expulsão ativa do conteúdo gástrico pela boca. Podem ser classificados em: alimentar, fecalóide, biliar, em jato, pós-prandial.
Sinônimo de êmese. Os medicamentos que agem neste sintoma são chamados de antieméticos.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_41" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">vômitos4), dor de cabeça,
5 Vertigens: O termo vem do latim “vertere” e quer dizer rodar. A definição clássica de vertigem é alucinação do movimento. O indivíduo vê os objetos do ambiente rodarem ao seu redor ou seu corpo rodar em relação ao ambiente.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_26" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">vertigens5, sonolência, reações alérgicas na pele, reações de hipersensibilidade, alteração na contagem de
"Leucócitos"
Veja no medpix.med.br "Veja
6 Leucócitos: Leucócitos ou glóbulos brancos são células produzidas na medula óssea, especializadas na defesa do organismo, auxiliando no combate a vírus, bactérias e outros agentes invasores que penetram o organismo.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_23" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">leucócitos6 e
"Hemácias"
Veja no medpix.med.br "Veja
7 Hemácias: Também chamadas de glóbulos vermelhos, eritrócitos ou células vermelhas. São produzidas no interior dos ossos a partir de células da medula óssea vermelha e estão presentes no sangue em número de cerca de 4,5 a 6,5 milhões por milímetro cúbico, em condições normais.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_35" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hemácias7 e reação no local da aplicação, embora sejam infreqüentes.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Pacientes em uso de anticoagulantes orais, heparina, ticlopidina, lítio,
8 Hipoglicemiantes orais: Medicamentos usados por via oral em pessoas com diabetes tipo 2 para manter os níves de glicose próximos ao normal. As classes de hipoglicemiantes são: inibidores da alfaglicosidase, biguanidas, derivados da fenilalanina, meglitinides, sulfoniluréias e thiazolidinediones.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_3" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hipoglicemiantes orais8, metotrexato,
9 Diuréticos: Grupo de fármacos que atuam no rim, aumentando o volume e o grau de diluição da urina. Eles depletam os níveis de água e cloreto de sódio sangüíneos. São usados no tratamento da hipertensão arterial, insuficiência renal, insuficiência cardiaca ou cirrose do fígado. Há dois tipos de diuréticos, os que atuam diretamente nos túbulos renais, modificando a sua atividade secretora e absorvente; e aqueles que modificam o conteúdo do filtrado glomerular, dificultando indiretamente a reabsorção da água e sal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_21" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">diuréticos9, pentoxifina, anti- hipertensivos, trombolíticos e outros antiinflamatórios devem fazer uso de Cetoprofeno somente sob orientação médica.
Informe seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início, ou durante o tratamento.
Não se recomenda o uso de Cetoprofeno em pacientes com
10 Úlcera gástrica: Lesão na mucosa do estômago. Pode ser provocada por excesso de ácido clorídrico produzido pelo próprio estômago ou por medicamentos como antiinflamatórios ou aspirina. É uma doença infecciosa, causada pela bactéria Helicobacter pylori em quase 100 % dos casos.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_9" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">úlcera gástrica10 ou duodenal, naqueles com
11 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_4" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">insuficiência renal11 ou hepática, nos pacientes alérgicos ao Cetoprofeno ou a outros antiinflamatórios de ação semelhante, e em crianças com menos de 15 anos.
Não deve ser utilizado durante a
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_32" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">gravidez1 e a
12 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_34" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">lactação12.
Durante o tratamento o paciente não deve dirigir veículos ou operar máquinas, pois sua habilidade e atenção podem estar prejudicadas, pois pode ocorrer
13 Tontura: O indivíduo tem a sensação de desequilíbrio, de instabilidade, de pisar no vazio, de que vai cair.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_36" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">tontura13 ou
14 Vertigem: Alucinação de movimento. Pode ser devido à doença do sistema de equilíbrio, reação a drogas, etc.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_28" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">vertigem14 com o uso deste medicamento.

NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO, PODE SER PERIGOSO PARA A SAÚDE.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS: - CETOPROFENO
O Cetoprofeno é um antiinflamatório não esteróide, possui atividade antiinflamatória, antiálgica e antipirética; inibe a síntese de prostaglandinas e tem atividade inibitória sobre a agregação plaquetária.

FarmacocinéticaAbsorção: A concentração plasmática média é medida 5 minutos após a
15 Injeção: Infiltração de medicação ou nutrientes líquidos no corpo através de uma agulha e seringa.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_37" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">injeção15 IV de 100 mg. Depois de 4 minutos do término da
15 Injeção: Infiltração de medicação ou nutrientes líquidos no corpo através de uma agulha e seringa.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_37" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">injeção15, a sua concentração plasmática é de 26,4 ± 5,4 µg/ml.
Distribuição: Sua distribuição é muito rápida. A meia- vida plasmática média é de 2 horas. O Cetoprofeno encontra-se 99% ligado às
16 Proteínas: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Alimentos que fornecem proteína incluem carne vermelha, frango, peixe, queijos, leite, derivados do leite, ovos.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_25" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">proteínas16 plasmáticas.
17 Metabolismo: É o conjunto de transformações que as substâncias químicas sofrem no interior dos organismos vivos. São essas reações que permitem a uma célula ou um sistema transformar os alimentos em energia, que será ultilizada pelas células para que as mesmas se multipliquem, cresçam e movimentem-se. O metabolismo divide-se em duas etapas: catabolismo e anabolismo.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_16" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">Metabolismo17: O Cetoprofeno é metabolizado por 2 processos: a menor parte por hidroxilação e a maior parte por conjugação com ácido glicurônico. Menos do que 1% da dose administrada de Cetoprofeno é encontrada na forma inalterada na
18 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_51" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">urina18, enquanto o derivado glicuroconjugado representa aproximadamente 65 a 75%.
Excreção: A excreção é rápida e essencialmente urinária. Cerca de 72 ± 25% da dose administrada é eliminada na
18 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_51" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">urina18 dentro de 48 horas após administração. O "clearance" de Cetoprofeno é de 60 ± 13 ml/min.

INDICAÇÕES - CETOPROFENO
No tratamento da dor no pré e pós- operatório e outras patologias dolorosas.

CONTRA-INDICAÇÕES: - CETOPROFENO
_ Pacientes com hipersensibilidade ao Cetoprofeno ou a outro inibidor da síntese de prostaglandinas. Foi observado o aparecimentode crise asmática em pacientes alérgicos ao ácido acetilsalicílico;
_
19 Úlcera: Ferida superficial em tecido cutâneo ou mucoso que pode ocorrer em diversas partes do organismo. Uma afta é, por exemplo, uma úlcera na boca. A úlcera péptica ocorre no estômago ou no duodeno (mais freqüente). Pessoas que sofrem de estresse são mais susceptíveis a úlcera.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_48" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">Úlcera19 gastroduodenal em evolução;
_
20 Insuficiência: Incapacidade de um órgão ou sistema para realizar adequadamente suas funções.Manifesta-se de diferentes formas segundo o órgão comprometido. Exemplos: insuficiência renal, hepática, cardíaca, respiratória.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_12" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">Insuficiência20 hepatocelular grave;
_
11 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_5" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">Insuficiência renal11 grave;
_ Crianças com idade inferior a 15 anos;
_ Durante a
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_32" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">gravidez1 e
21 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_17" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">amamentação21.

PRECAUÇÕES E ADVERTÊNCIAS - CETOPROFENO
Devido à possibilidade de graves manifestações gastrintestinais, particularmente nas doenças tratadas com
22 Anticoagulante: Medicamento usado para prevenir a coagulação do sangue; usado por pessoas que se encontram sob risco de formação de coágulos (levando, por exemplo, a tromboses ou derrames).
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_11" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">anticoagulante22, é conveniente uma cuidadosa monitorização, principalmente se surgir sintomatologia digestiva.
Em casos de
23 Hemorragia: Saída de sangue dos vasos sanguíneos ou do coração para o exterior, para o interstício ou para cavidades pré-formadas do organismo.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_24" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hemorragia23 gastrintestinal, o tratamento deve ser descontinuado.
Risco de
11 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_4" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">insuficiência renal11 aguda durante o período pré e pós- operatório, especialmente em pacientes com
24 Hipovolemia: Diminuição do volume de sangue secundário a hemorragias, desidratação ou seqüestro de sangue para um terceiro espaço (p. ex. peritônio).
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_14" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hipovolemia24.
Em pacientes idosos é recomendável uma diminuição da posologia.
O Cetoprofeno não deve ser administrado em crianças menores de 15 anos.
O Cetoprofeno deve ser administrado com cautela e sob monitorização em pacientes com problemas gastrintestinais (
19 Úlcera: Ferida superficial em tecido cutâneo ou mucoso que pode ocorrer em diversas partes do organismo. Uma afta é, por exemplo, uma úlcera na boca. A úlcera péptica ocorre no estômago ou no duodeno (mais freqüente). Pessoas que sofrem de estresse são mais susceptíveis a úlcera.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_49" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">úlcera19 gastroduodenal),
25 Hérnia: Saída da parte de um órgão ou sua totalidade através de uma área debilitada na superfície corporal ou internamente.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_44" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hérnia25 hiatal,
26 Colite: Inflamação da porção terminal do cólon (intestino grosso). Pode ser devido a infecções intestinais (a causa mais freqüente), ou a processos inflamatórios diversos (colite ulcerativa, colite isquêmica, colite por radiação, etc.).
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_47" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">colite26 ulcerosa, doença de Crohn, com antecedentes de alterações hematológicas ou problemas de coagulação.
No início do tratamento, o volume urinário e a função
27 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_50" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">renal27 devem ser cuidadosamente monitorizados em pacientes com
28 Insuficiência Cardíaca: É uma condição na qual a quantidade de sangue bombeada pelo coração a cada minuto (débito cardíaco) é insuficiente para suprir as demandas normais de oxigênio e de nutrientes do organismo. Refere-se à diminuição da capacidade do coração suportar a carga de trabalho.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_1" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">insuficiência cardíaca28,
29 Cirrose: Substituição do tecido normal de um órgão (freqüentemente do fígado) por um tecido cicatricial fibroso. Deve-se a uma agressão persistente, infecciosa, tóxica ou metabólica, que produz perda progressiva das células funcionalmente ativas. Leva progressivamente à perda funcional do órgão.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_40" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">cirrose29 ou nefropatias crônicas, naqueles que fazem uso de
9 Diuréticos: Grupo de fármacos que atuam no rim, aumentando o volume e o grau de diluição da urina. Eles depletam os níveis de água e cloreto de sódio sangüíneos. São usados no tratamento da hipertensão arterial, insuficiência renal, insuficiência cardiaca ou cirrose do fígado. Há dois tipos de diuréticos, os que atuam diretamente nos túbulos renais, modificando a sua atividade secretora e absorvente; e aqueles que modificam o conteúdo do filtrado glomerular, dificultando indiretamente a reabsorção da água e sal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_21" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">diuréticos9, após intervenção cirúrgica com
24 Hipovolemia: Diminuição do volume de sangue secundário a hemorragias, desidratação ou seqüestro de sangue para um terceiro espaço (p. ex. peritônio).
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_14" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hipovolemia24 e, especialmente em idosos.
O Cetoprofeno pode ser associado a um opiáceo nos casos de dores intensas.
Devido ao risco do Cetoprofeno causar
13 Tontura: O indivíduo tem a sensação de desequilíbrio, de instabilidade, de pisar no vazio, de que vai cair.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_36" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">tontura13, recomenda- se cautela em pacientes que dirigem ou que operam máquinas.

1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_31" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">Gravidez1:
O uso de Cetoprofeno é contra- indicado durante os três primeiros meses e também durante o terceiro trimestre da
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_32" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">gravidez1, pois todo inibidor da síntese de prostaglandinas pode causar fetotoxicidade cardiopulmonar (
30 Hipertensão: Condição presente quando o sangue flui através dos vasos com força maior que a normal. Também chamada de pressão alta. Hipertensão pode causar esforço cardíaco, dano aos vasos sangüíneos e aumento do risco de um ataque cardíaco, derrame ou acidente vascular cerebral, além de problemas renais e morte.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_15" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hipertensão30 pulmonar com fechamento prematuro do ducto arterial) e
27 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_50" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">renal27. No final da gestação, a mãe e o feto têm o tempo de sangramento prolongado. Pode também retardar o trabalho de parto.

21 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_18" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">Amamentação21:
O Cetoprofeno não deve ser administrado durante a
21 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_17" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">amamentação21.

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS: - CETOPROFENO
Associações desaconselhadas:_ Outros antiinflamatórios não esteroidais, inclusive altas dosagens de salícilatos: aumento do risco de
ulceração e
23 Hemorragia: Saída de sangue dos vasos sanguíneos ou do coração para o exterior, para o interstício ou para cavidades pré-formadas do organismo.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_24" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hemorragia23 gastrintestinal por sinergia aditiva;
_ Anticoagulantes orais, heparina por via parenteral e ticlopidina: aumento do risco hemorrágico por inibição
da função plaquetária e irritação da
31 Mucosa: Nome dado ao conjunto de tecidos que formam a cobertura superficial das diferentes cavidades do corpo que se comunicam com o meio externo. P.ex. mucosa respiratória, mucosa da cavidade oral, etc.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_46" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">mucosa31 gastroduodenal. Se o tratamento concomitante não puder ser
evitado, deve ser realizada uma cuidadosa monitorização clínica e laboratorial (tempo de sangramento e
tempo de protrombina);
_
8 Hipoglicemiantes orais: Medicamentos usados por via oral em pessoas com diabetes tipo 2 para manter os níves de glicose próximos ao normal. As classes de hipoglicemiantes são: inibidores da alfaglicosidase, biguanidas, derivados da fenilalanina, meglitinides, sulfoniluréias e thiazolidinediones.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_2" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">Hipoglicemiantes orais8: o Cetoprofeno pode causar um aumento do efeito
32 Hipoglicemiante: Medicamento que contribui para manter a glicose sangüínea dentro dos limites normais, sendo capaz de diminuir níveis de glicose previamente elevados.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_10" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hipoglicemiante32 das sulfamidas,
por deslocamento de suas ligações às
16 Proteínas: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Alimentos que fornecem proteína incluem carne vermelha, frango, peixe, queijos, leite, derivados do leite, ovos.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_25" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">proteínas16 plasmáticas;
_ Dispositivos intra- uterinos: possibilidade de diminuição da eficácia;
_ Lítio: aumento do nível plasmático de lítio, pela diminuição da excreção
27 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_50" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">renal27, podendo atingir níveis tóxicos.
Realizar, se necessário, uma cuidadosa monitorização dos níveis de lítio e ajuste da dosagem de lítio durante
o tratamento concomitante e após a descontinuação do uso de antiinflamatórios não esteroidais;
_ Metotrexato: aumento da toxicidade hematológica especialmente quando administrado em altas doses (> 15
mg/semana), devido à diminuição do clearance
27 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_50" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">renal27. Em caso de tratamento anterior com Cetoprofeno o uso
do mesmo deve ser interrompido 12 horas antes da administração de metotrexato e não pode ser
administrado antes de 12 horas após o tratamento com metotrexato;
_ Interferona: risco da inibição na ação da Interferona.

Associações que necessitam de cuidados:
_ Metotrexato (<15 tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_50" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">renal27 em idosos;
_
9 Diuréticos: Grupo de fármacos que atuam no rim, aumentando o volume e o grau de diluição da urina. Eles depletam os níveis de água e cloreto de sódio sangüíneos. São usados no tratamento da hipertensão arterial, insuficiência renal, insuficiência cardiaca ou cirrose do fígado. Há dois tipos de diuréticos, os que atuam diretamente nos túbulos renais, modificando a sua atividade secretora e absorvente; e aqueles que modificam o conteúdo do filtrado glomerular, dificultando indiretamente a reabsorção da água e sal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_22" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">Diuréticos9: risco de
11 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_4" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">insuficiência renal11 aguda em pacientes desidratados devido à diminuição da filtração
glomerular (diminuição da síntese das prostaglandinas renais). Manter o paciente hidratado e com as funções
renais monitorizadas no início do tratamento;
_ Pentoxifilina: aumento do risco hemorrágico. Reforçar a vigilância sanitária clínica e controlar o tempo de
sangramento com maior freqüência.

Associações a serem consideradas:
_ Anti- hipertensivos (ß-bloqueadores, inibidores da
33 Enzima: Proteína produzida pelo organismo que gera uma reação química. Por exemplo, as enzimas produzidas pelo intestino que ajudam no processo digestivo.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_43" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">enzima33 de conversão,
9 Diuréticos: Grupo de fármacos que atuam no rim, aumentando o volume e o grau de diluição da urina. Eles depletam os níveis de água e cloreto de sódio sangüíneos. São usados no tratamento da hipertensão arterial, insuficiência renal, insuficiência cardiaca ou cirrose do fígado. Há dois tipos de diuréticos, os que atuam diretamente nos túbulos renais, modificando a sua atividade secretora e absorvente; e aqueles que modificam o conteúdo do filtrado glomerular, dificultando indiretamente a reabsorção da água e sal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_21" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">diuréticos9): redução do efeito anti-
hipertensivo por inibição das prostaglandinas vasodilatadoras;
_ Trombolíticos: aumento do risco hemorrágico.

REAÇÕES ADVERSAS E/OU EFEITOS COLATERAIS: - CETOPROFENO
_ Manifestações gastrintestinais: desconforto gastrintestinal, dor epigástrica,
34 Náusea: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_45" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">náusea34,
4 Vômitos: São a expulsão ativa do conteúdo gástrico pela boca. Podem ser classificados em: alimentar, fecalóide, biliar, em jato, pós-prandial.
Sinônimo de êmese. Os medicamentos que agem neste sintoma são chamados de antieméticos.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_41" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">vômitos4,
3 Constipação: Retardo ou dificuldade nas defecações, suficiente para causar desconforto significativo para a pessoa. Pode significar que as fezes são duras, difíceis de serem expelidas ou infreqüentes (evacuações inferiores a três vezes por semana), ou ainda a sensação de esvaziamento retal incompleto, após as defecações.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_13" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">constipação3 e
35 Diarréia: Aumento do volume, freqüência ou quantidade de líquido nas evacuações.Deve ser a manifestação mais freqüente de alteração da absorção ou transporte intestinal de substâncias, alterações estas que em geral são devidas a uma infecção bacteriana ou viral, a toxinas alimentares, etc.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_29" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">diarréia35. Os efeitos adversos mais graves são: ulceração gastroduodenal,
23 Hemorragia: Saída de sangue dos vasos sanguíneos ou do coração para o exterior, para o interstício ou para cavidades pré-formadas do organismo.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_24" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hemorragia23 digestiva e perfuração
intestinal.
_ Reações de hipersensibilidade: Dermatológicas: erupção,
36 Rash: Coloração avermelhada da pele como conseqüência de uma reação alérgica ou infecção.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_52" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">rash36 cutâneo,
37 Prurido: Sensação de coceira. Pode ser produzido por icterícia obstrutiva, reações alérgicas, doenças hepáticas, etc.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_42" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">prurido37. Respiratórias: possibilidade
de aparecimento de crise asmática, principalmente em pacientes alérgicos ao ácido acetilsalicílico ou outros
antiinflamatórios não esteroidais. Pode também ocorrer
38 Reação anafilática: É um tipo de reação alérgica sistêmica aguda. Esta reação ocorre quando a pessoa foi sensibilizada (ou seja, quando o sistema imune foi condicionado a reconhecer uma substância como uma ameaça ao organismo). Na segunda exposição ou nas exposições subseqüentes, ocorre uma reação alérgica. Essa reação é repentina, grave e abrange o corpo todo. O sistema imune libera anticorpos. Os tecidos liberam histamina e outras substâncias. Esse mecanismo causa contrações musculares, constrição das vias respiratórias, dificuldade respiratória, dor abdominal, cãimbras, vômitos e diarréia. A histamina leva à dilatação dos vasos sangüíneos (que abaixa a pressão sangüínea) e o vazamento de líquidos da corrente sangüínea para os tecidos (que reduzem o volume de sangue) o que provoca o choque. Ocorrem com freqüência a urticária e o angioedema - este angioedema pode resultar na obstrução das vias respiratórias. Uma anafilaxia prolongada pode causar arritmia cardíaca.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_6" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">reação anafilática38.
_ Efeitos no
"Sistema
Veja no medpix.med.br "Veja
39 Sistema nervoso: O sistema nervoso é dividido em sistema nervoso central (SNC) e o sistema nervoso periférico (SNP). O SNC é formado pelo encéfalo e pela medula espinhal e a porção periférica está constituída pelos nervos cranianos e espinhais, pelos gânglios e pelas terminações nervosas.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_8" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">sistema nervoso39 central:
14 Vertigem: Alucinação de movimento. Pode ser devido à doença do sistema de equilíbrio, reação a drogas, etc.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_28" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">vertigem14, sonolência e
40 Cefaléia: Sinônimo de dor de cabeça. Este termo engloba todas as dores de cabeça existentes, ou seja, enxaqueca ou migrânea, cefaléia ou dor de cabeça tensional, cefaléia cervicogênica, cefaléia em pontada, cefaléia secundária a sinusite, etc... são tipos dentro do grupo das cefaléias ou dores de cabeça.
A cefaléia tipo tensional é a mais comum (acomete 78% da população), seguida da enxaqueca ou migrânea (16% da população).
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_30" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">cefaléia40.
_ Reações cutâneas: raramente pode ocorrer
41 Dermatose: Doença que afeta a pele e seus anexos (pêlos, cabelos e unhas).
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_27" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">dermatose41 bolhosa (
42 Síndrome: Conjunto de sinais e sintomas que se encontram associados a uma entidade conhecida ou não.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_33" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">síndrome42 de Stevens- Johnson;
43 Síndrome de Lyell: Sinônimo de Necrólise Epidérmica Tóxica. Caracterizada por necrólise da epiderme. Tem como características iniciais sintomas inespecíficos, influenza-símile, tais como febre, dor de garganta, tosse e queimação ocular, considerados manifestações prodrômicas que precedem o acometimento cutâneo-mucoso. Erupção eritematosa surge simetricamente na face e na parte superior do tronco, provocando sintomas de queimação ou dolorimento da pele. Progressivamente envolvem o tórax anterior e o dorso. O ápice do processo é constituído pela característica denudação da epiderme necrótica, a qual é destacada em verdadeiras lamelas ou retalhos, dentro das áreas acometidas pelo eritema de base. O paciente tem o aspecto de grande queimado, com a derme desnuda, sangrante, eritêmato-purpúrica e com contínua eliminação de serosidade, contribuindo para o desequilíbrio hidroeletrolítico e acentuada perda protéica. Graves seqüelas oculares e esofágicas têm sido relatadas.Constitui uma reação adversa a medicamentos rara. As drogas que mais comumente a causam são as sulfas, o fenobarbital, a carbamazepina, a dipirona, piroxicam, fenilbutazona, aminopenicilinas e o alopurinol.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_7" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">síndrome de Lyell43).
_ Algumas modificações biológicas puderam ser observadas: Diminuição moderada dos níveis de
44 Hemoglobina: Proteína encarregada de transportar o oxigênio desde os pulmões até os tecidos do corpo. Encontra-se em altas concentrações nos glóbulos vermelhos.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_19" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">hemoglobina44
e alguns casos de
45 Leucopenia: Redução no número de leucócitos no sangue. Os leucócitos são responsáveis pelas defesas do organismo, são os glóbulos brancos. Quando a quantidade de leucócitos no sangue é inferior a 6000 leucócitos por milímetro cúbico, diz-se que o indivíduo apresenta leucopenia.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_20" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">leucopenia45 sem gravidade. Possibilidade de agravamento de
11 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_4" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">insuficiência renal11 pré-
existente.
_ Tolerância local: poucos casos de dor e sensação de ardência foram reportadas.

POSOLOGIA - CETOPROFENO
A posologia indicada para o tratamento é de 100 mg a 300 mg ao dia, por um período máximo de 48 horas.Instruções de uso:
Dissolver o conteúdo do frasco contendo 100 mg em 100 - 150 ml de solução isotônica de
46 Glicose: Uma das formas mais simples de açúcar.
" tipwidth="450" class="postTip word_cnt_211915_38" style="font-size: inherit; font-family: inherit;">glicose46 ou de cloreto de sódio. O produto deve ser administrado por infusão intravenosa lenta, aproximadamente por 20 minutos.
Administrar o Cetoprofeno IV separadamente de outros medicamentos.

SUPERDOSAGEM: - CETOPROFENO
Deve- se instituir tratamento sintomático.

PACIENTES IDOSOS - CETOPROFENO
Estudos mostraram que a administração de Cetoprofeno em pacientes idosos pode reduzir a ligação protéica e o clearance de Cetoprofeno, ocasionando aumento e prolongamento da concentração sérica e da meia- vida de eliminação.

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

N.º do lote, data de fabricação e prazo de validade: vide rótulo/cartucho/caixa

Reg. MS N.º 1.0298.0299
Farm. Resp.: Dr. Joaquim A. dos Reis - CRF-SP N.º 5061

SAC (Serviço de Atendimento ao Cliente): 0800 701 19 18
CRISTÁLIA -
Produtos Químicos Farmacêuticos Ltda.
Rod. Itapira- Lindóia, km 14 - Itapira-SP - CNPJ Nº 44.734.671/0001-51 - Indústria Brasileira

Nenhum comentário:

Postar um comentário